quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016

O Cônsul Desobediente

quinta-feira, 11 de fevereiro de 2016
Gostei muito deste livro. Conta a história de Aristides de Sousa Mendes, de uma forma bastante agradável. A autora vai intercalando a sua vida passada com os acontecimentos em Bordéus e o resultado é uma obra de história bastante bem conseguida.
Recomendo.




Ficha Técnica
Título - O Cônsul Desobediente
Autor - Sónia Louro
Editora - Saída de Emergência
ISBN - 9789896371623
Género - Memórias e Testemunhos / Romance Histórico
Sinopse -  Há pessoas que passam no mundo como cometas brilhantes, e as suas existências nunca serão esquecidas. Aristides de Sousa Mendes foi uma dessas pessoas. Cônsul brilhante, marido feliz, pai orgulhoso, teve a sua vida destruída quando, para salvar 30.000 vidas, ousou desafiar as ordens de Salazar.
Nascido numa família com laços à aristocracia, Aristides cursa Direito em Coimbra e opta por uma carreira consular. Vive nos locais mais exóticos de África e nos mais cosmopolitas da Europa. Cônsul em Bordéus durante a Segunda Guerra, é procurado por milhares de refugiados para quem um visto para Portugal é a única salvação. Sem ele, morrerão às mãos dos alemães.
Infelizmente, Salazar, adivinhando as enchentes nos consulados, proibira a concessão de vistos a estrangeiros de nacionalidade indefinida e judeus. Sob os bombardeamentos alemães, espremido entre as ameaças de Salazar, as súplicas dos refugiados e a sua consciência, Aristides sente-se enlouquecer. E então toma a grande decisão da sua vida: passar vistos a todos quantos os pedirem. Salvará 30.000 inocentes, mas destruirá irremediavelmente a sua vida.
Esta é a história de um grande português. De um herói com uma coragem sem limites. Só é possível compreender o seu feito se nos colocarmos no seu lugar: destruiríamos a nossa vida e a da nossa família em nome da caridade e do amor ao próximo? Até ao seu derradeiro fôlego, Aristides nunca se arrependeu.

Sem comentários:

Enviar um comentário

Histórias Transmitidas © 2014